Adote uma locomotiva


 

AVISO IMPORTANTE: A ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PRESERVAÇÃO NÃO FAZ DOAÇÃO, CESSÃO OU VENDA DE NENHUM DOS EQUIPAMENTOS SOB SUA GUARDA !

Um maquinista chega a chorar, quando ouve o apito de uma locomotiva a vapor, ele volta ao passado, lembra de toda sua história, a sua vida, dos tempos em que elas reinavam absolutas, os tempos de ouro das ferrovias. Infelizmente este tempo de orgulho e prosperidade acabou e levou com ele todos nossos trens, hoje só nos resta a saudade.

locomotiva-401-antes
Locomotiva 401 quando chegou
401 no trecho
Locomotiva 401 restaurada

 

 

 

 

As locomotivas, carros de passageiro e outros equipamentos ferroviários quando chegam, geralmente estão neste estado, o tempo, abandono e o vandalismo, são cruéis e implacáveis com as “damas” de ferro.

caboose2
Caboose Mogiana restaurado
caboose9
Caboose Mogiana quando chegou

 

 

 

 

O projeto Adote uma Locomotiva, visa a busca de patrocinadores e investidores que ajudem a salvar e restaurar equipamentos ferroviários que compõem o nosso acervo, exemplares raros e em alguns casos o único restante no mundo.

Nosso pessoal é composto basicamente por voluntários, que se poem a trabalhar com afinco na restauração e manutenção destes equipamentos, mas para que a restauração ocorra, não basta apenas a força de vontade, o amor a ferrovia, a história e a cultura, é preciso dinheiro e muito dinheiro! as despesas começam no transporte destes equipamentos, a fabricação de peças, mão-de-obra externa, laudos, testes, ferramentas, pintura, materiais diversos (madeira, metais, elétrica e hidráulica) e etc.

Por este motivo algumas restaurações levam anos para serem concluídas, mas nada que nos desanime …

transporte2
Locomotiva Alco 3505 quando chegou
905 no girador
Locomotiva Alco 905 restaurada

 

 

 

 

… e neste ponto você pode nos ajudar, a ABPF é uma OSCIP, habilitada pelo Ministério da Justiça do Brasil, a estabelecer parcerias e convênios com todos os níveis de governo e órgãos públicos (federal, estadual e municipal) e permite que as empresas possam doar até 2% do seu lucro bruto.

Empresário se você se preocupa com história e cultura, por favor contribua !, ou melhor, invista ! parte dos seus impostos ou parte da sua verba para divulgação com a gente !, você vai divulgar sua empresa, sua marca e vai ajudar na preservação da história e na cultura do pais.

Todas contribuições podem ser revertidas parcialmente em ingressos cortesia que as empresas podem oferecer a seus funcionários e clientes, também podem utilizar estes ingressos para uma ação social em uma escola, colégio, hospital, levando cultura e diversão a pessoas carentes.

A locomotiva da capa é a No. 604 da Companhia Paulista, fabricada em 1895, ficou abandonada por mais de 30 anos e foi restaurada pela ABPF graças ao patrocínio da empresa NEC do Brasil. Veja abaixo como ela esta hoje.

locomotiva 604a

Lembre-se você pode fazer a diferença, sua ajuda, não precisa ser em dinheiro pode ser mão de obra, um desconto em serviços, um equipamento ou veículo usado. Consulte sobre o que utilizamos e em que você pode ajudar.

INVISTA EM CULTURA, ADOTE UMA LOCOMOTIVA !

– Contato –

(19) 3207-3637 – 11 97592-4282
falar com o Mauricio Polli

– Email –

abpfcps@terra.com.br

41 thoughts on “Adote uma locomotiva”

  1. Prezado Mauricio, boa noite.
    Gostaria de saber como funciona o patrocínio para adotar uma locomotiva.
    Quanto precisarei gastar para ajudar na preservação de uma ” Dama de Ferro “..
    Att,

    Ana Cristina Lazzati

  2. como faço para conseguir uma locomotiva para uma prefeitua de uma cidade onde passava a estrada de ferro Leopoudina .que fica em Santana do Deserto, para ficar no bairro de Sossego

    1. Bom dia Julio, obrigado pelo contato, não fornecemos, cedemos ou vendemos locomotivas ok, você deverá procurar no DNIT ou através da própria internet, pois existem locomotivas de particulares a venda. Obrigado.

    1. Boa tarde Ronaldo, obrigado pelo contato, venha matar a sua saudade aqui com a gente, temos locomotivas diesel e a vapor operando como antigamente. Obrigado.

    1. Boa noite Alexandre, obrigado pelo contato, conhecimento você adquire trabalhando, basta ter boa vontade e querer ajudar, faça uma visita as oficinas de Cruzeiro e veja como o pessoal trabalha por lá. Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *